Acompanhando Interface Ativa!

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Vem aí o Banco de Livros

A Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs) e a Câmara Rio-Grandense do Livro celebraram parceria com diversas empresas e acabam de criar o Banco de Livros - um programa destinado a arrecadar livros, através de doações, para abastecer bibliotecas em todos os municípios gaúchos.

A partir de segunda-feira, 26, uma grande campanha de divulgação que inclui outdoors, comerciais de TV e outras ações vai mobilizar os gaúchos a doarem livros, que deverão ser entregues num dos 1.334 pontos situados em todos os municípios do estado. O objetivo? Saciar a fome de todos os que gostariam de ler mas não têm acesso a um livro, por falta de hábito, de educação ou de oportunidade. Acrescento, ainda, por falta de dinheiro, porque livro é caro ou por falta de bibliotecas públicas, porque poucos municípios as têm ou, se possuem, não divulgam ou incentivam a visita e, por consequência, a leitura.

Paulo Renê Bernhard, coordenador dos Bancos Sociais da Fiergs, comenta sua plena convicção de que as pessoas vão se mobilizar para que seja atingida a marca de 500 mil livros doados até o final de novembro. A meta é nobre e ambiciosa, mas tem um estimulador: Os Espiões, novo título de Luiz Fernando Verissimo, com o selo Alfaguara, sai em dezembro, mas poderá ser disponibilizado antes, na internet, na íntegra, no endereço www.livroinedito.com.br quando o contador das doações indicar 500 mil livros e todos estiverem empilhados nos pavilhões mantidos pela Fiergs no bairro Sarandi, em Porto Alegre, prontos para triagem, conferência e divisão, visando a formação das bibliotecas propostas.

As doações poderão ser feitas nas agências dos Correios e da Caixa Federal, em todas as lojas da PanVel, do Zaffari e da Chevrolet e em todos os estacionamentos do Safe Park.

Para saber como anda o contador de doações é só acessar www.livroinedito.com.br. Se quiser ser avisado(a) do exato momento em que o livro vai estar à disposição, para leitura na internet, é só cadastrar-se no site.

O Banco de Livros é uma extensão do projeto de formação de Bancos Sociais da Fiergs, que já conta com Banco de Alimentos, Banco de Tecidos e Banco de Peles.

Iniciativas deste porte me sensibilizam. Aliás, me emocionam quaisquer iniciativas que tenham por objetivo o estímulo à leitura e o acesso ao livro. Resguardadas as proporções, tenho um pequeno projeto, juntamente com os colegas jornalistas do Blog Artigos de Edward de Souza ( colocado no Prêmio Top Blog 2009, na categoria Comunicação!). Há algum tempo, sugiro livros para os leitores do blog, que são muitos e fiéis. Nesta semana, resolvemos presentear o leitor cujo comentário expressasse melhor o desejo de ganhar e ler o livro. O jovem Rafael Gustavo, de Franca, São Paulo, recebeu a maioria dos votos dos jornalistas do blog. Ontem enviei para ele "As virtudes da Casa", de Luiz Antonio de Assis Brasil e, de bônus, "A Soma dos Dias", de Isabel Allende. Se tiverem curiosidade de conhecer nossa proposta e como ela se processa e faz sucesso, acessem http://artigosedwardsouza.blogspot.com

Fonte: Jornal Zero Hora

Nenhum comentário: