Acompanhando Interface Ativa!

terça-feira, 20 de maio de 2008

Saramago aprova filme de Meirelles

O cineasta brasileiro Fernando Meirelles concorda com a crítica, que classifica o filme Blindness, adaptação do romance Ensaio sobre a Cegueira, de José Saramago – como apocalíptico. A perda da visão leva a civilização ao colapso, o filme revela esse caos, comenta o cineasta. Mas há uma reaproximação, uma afetividade que se cria entre a família formada pelas personagens, que mostra otimismo, aponta Fernando Meirelles.

Blindness abriu o 61º Festival de Cannes esta semana. O realizador veio a Lisboa apresentá-lo ao Nobel de Literatura de 1998. Estava mais ansioso por ouvir Saramago do que Cannes, revela Meirelles, em visita à mostra José Saramago: a Consistência dos Sonhos, no Palácio da Ajuda.

Saramago diz tratar-se de um grande filme, com espaço para a reflexão, sublinhando ter gostado muito, independentemente da relação direta com o romance. Em especial a cena em que nove mulheres em fila indiana passam atrás de uma janela. Talvez possam ser tomadas como a representação da história do destino das mulheres, pondera o escritor.

Nenhum comentário: